Quem sou eu

Minha foto
Salvador, Baiana da Gema, Brazil
Sabe aquela menina que ama rir, que tenta fazer o dia a dia das pessoas mais feliz e não desiste dos seus objetivos? Assim me considero! Amo viver a vida, mas não sou de estrapolar, conheço meus limites e emoções, fugindo disso não serei EU. Frase predileta da Camila: Pessoas normais falam de coisas. Pessoas inteligentes falam de idéias. Pessoas medíocres falam de outras pessoas.

quarta-feira, 8 de dezembro de 2010

Programa de Video

Galera segue nosso programa de video, A NOVELA VIVENDO E APRENDENDO- A VIDA DE UMA ESTUDANTE.
Nele se encontra, as nossas expectativas ao todo nosso conhecimento adquirido a partir da disciplina EDC -287. Espero que gostem \o/

O que aprendi com a disciplina EDC-287

Mexer no kino;
Mexer no Audacity;
A me inteirar do software livre;
A entender o conceito de cibercultura nos dias de hoje;
Compreendi como funciona a Radio Faced;
Conheci mais um programa de video Livre, o Open Shop (recomendo);
Entendi o quão é importante a tecnologia englobada na area pedagógica;
Conheci o Projeto Governamental UCA;
Meus e-mails sempre atualizadissimos toda 4 feira ;D;
Entendi questões como das Praxis pedagógicas;
Passei a olhar o Tabuleiro Digital com outra visão;
Conheci Nelson pretto... (risos)

Relembrando [3]

E a rádio... INESQUECÍVEL .Para gravarmos nossa rádio novela, utilizamos o Audacity.
Quer saber porque??

Audacity é um software livre de edição digital de áudio. O código fonte do Audacity está sob a licença GNU General Public License. A sua interface gráfica foi produzida utilizando-se de bibliotecas do wxWidgets.

Recursos:
  • Importação e exportação em formato WAV, MP3 (via LAME, copiado separadamente), Ogg Vorbis, e outros
  • Gravação e reprodução de sons
  • Edição simplificada com Cortar, Copiar, Colar e Apagar
  • Desfazer ilimitados para qualquer passo
  • Mixagem em múltiplas faixas
  • Efeitos digitais de som e mais plug-ins de efeitos (Pode-se criar novos plug-ins com a linguagem Nyquist)
  • Edição de amplitude sonora em formato envelope
  • Remoção de ruídos
  • Suporte para modo multicanal, com taxa de amostragem de até 96kHz e 24 bits por amostra
  • A habilidade de alterar a velocidade do som, sem alterar sua altura, para sincronização perfeita com vídeo (em dublagens)
  • Facilidade de uso

Relembrando [2]

Creative Commons é uma organização não governamental sem fins lucrativos, voltada a expandir a quantidade de obras criativas disponíveis, através de suas licenças que permitem a cópia e compartilhamento com menos restrições que o tradicional todos direitos reservados. Para esse fim, a organização criou diversas licenças, conhecidas como licenças Creative Commons.

Relembrando: [1]

Software livre é qualquer programa de computador que pode ser usado, copiado, estudado e redistribuído sem restrições. O conceito de livre se opõe ao conceito de software restritivo (software proprietário), mas não ao software que é vendido almejando lucro (software comercial). A maneira usual de distribuição de software livre é anexar a este uma licença de software livre, e tornar o código fonte do programa disponível.

quarta-feira, 10 de novembro de 2010

Vamos falar de Inclusão digital?

Hi people =]
A inclusão digital é a "democratização" do acesso as tecnologias, permitindo a iserção de todos indivíduos, na sociedade da informação. Um incluído digitalmente não é aquele que apenas utiliza essa nova linguagem, que é o mundo digital, para trocar e-mails, mas aquele que usufrui desse suporte para melhorar as suas condições de vida.


A Inclusão Digital, para acontecer, precisa de três instrumentos básicos que são: computador, acesso à rede e o domínio dessas ferramentas pois não basta apenas o cidadão possuir um simples computador conectado à internet que iremos considerar ele, um incluído digitalmente. Ele precisa saber o que fazer com essas ferramentas.
 Dessa forma, toda a sociedade pode ter acesso a informações disponíveis na Internet, e assim produzir e disseminar conhecimento. A inclusão digital insere-se no movimento maior de inclusão social, um dos grandes objetivos compartilhados por diversos governos ao redor do mundo nas últimas décadas.

Como assim, Cibercultura??

Bom Dia gente, há algumas quartas- feiras houve um debate muito interessante sobre CIBERCULTURA. A partir disso, como esse assunto é muito Novo pra mim, tive muitas dúvidas com relação a Ciber com a sociedade, o que é essa Cibercultura e outros questionamentos já esclarecidos na sala de aula.
Compreendi que a Cibercultura é a relação entre as tecnologias de comunicação, informação e a cultura. Através dela se vincula uma visão de mundo interrelacionada com a realidade atual e com o fenômeno da comunicação digital. È um meio de entretenimento, debates, trocas de informações, crescimento humano e intelectual, uma vez que não delimita o saber e tão pouco as formas como esse saber pode ser explorado.
E a Cibercultura com a Educação?? Aí ja entra questões como um meio de auxilio para a formação de professores, e a utilização de ferramentas hipertextuais. Isso vai de encontro com a quebra do tradicionalismo em sala de aula, reiventando uma nova forma de dar aula, um novo metódo, um "LIVRO NOVO"

Espero que tenham curtido esse pensamento, finalizo esse Post com uma frase do Levy, no qual ele traz uma reflexão da Ciber.

 Cibercultura? Mas, o que é isso? “Não é a cultura dos fanáticos da Internet, é uma transformação profunda da noção mesma de cultura”



quarta-feira, 13 de outubro de 2010

"Uquinha"

Bom dia povo brasileiro!
Queria começar essa postagem dizendo o quanto fiquei emocionada com os computadores do Projeto UCA- Um Computador por Aluno.
Na verdade sempre tive um problema bem pessoal com os projetos elaborados pelo governo, por nunca acreditar que eles teriam continuidade ou o êxito esperado. Decerto o UCA me chamou a atenção pelo fato de promover a inclusão digital com distribuição de computadores portáteis aos alunos da rede pública de ensino.

Que esse Projeto venha a ter todo sucesso!
Abraços aos Leitores

quarta-feira, 8 de setembro de 2010

Pedagogos apresentam ideias para melhorar o trabalho em sala de aula

Bom dia meninas, acabei de entrar no twitter e dei um RT nessa matéria, ela é muito leegal e serve como referência para outros estados, e que associem sempre a tecnologia a educação!

A primeira turma do curso Organização do Trabalho Pedagógico da Rede Municipal de Ensino de Curitiba (PR) apresentou, no final da capacitação, propostas de solução para a melhoria do trabalho nas escolas e creches da Prefeitura. O curso começou em fevereiro, teve 212 horas de duração e a participação de 140 profissionais da educação infantil e do ensino fundamental.
Para finalizar a qualificação, a professora Angela Cristina Piotto, da Escola Municipal Eva da Silva, apresentou o trabalho “Tecnologia e Educação: Aliados ou Não?”. Angela discutiu os motivos pelos quais o professor usa pouco a tecnologia e os recursos midiáticos em sala de aula. “Sem o direcionamento e o interesse do professor, o laboratório de informática acaba se transformando em uma lan house, onde o aluno fica apenas jogando”, disse Angela.
Na pesquisa, ela concluiu que o professor não se alia à tecnologia por falta de conhecimento e de interesse no aprofundamento. “Muitas vezes o aluno tem mais conhecimento que o professor em tecnologia. O profissional precisa se atualizar”.
Já a pedagoga Waldenir Alves Singh e a equipe da Escola Rolândia apresentaram o projeto “Roteiros de Trabalho, Uma Forma de Organizar os Planos de Aulas e Implementar os Planos de Ensino”.

A ideia é desafiar o professor a superar a concepção de planejamento como um documento meramente burocrático. “O professor deve pensar no plano de aula como uma ferramenta real e não somente como um documento para ser apresentado ao pedagogo e, depois, colocado na gaveta”, disse Waldenir. “Isto também beneficiará o aluno, pois não haverá improviso em sala de aula e, sim, a garantia de que o conteúdo básico será trabalhado na sala”, concluiu.
“Os conhecimentos aprendidos nessas capacitações são base para que possamos melhorar ainda mais a qualidade do ensino oferecido aos alunos das creches e escolas municipais. Investir em formação contínua e aprimoramento profissional é uma das metas da Prefeitura de Curitiba”, afirmou a diretora do Departamento de Tecnologia e Difusão Educacional da Secretaria Municipal da Educação, Raquel Simas.
Neste ano, pela terceira vez consecutiva, Curitiba teve o melhor desempenho entre as capitais no Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb), indicador do Ministério da Educação criado para medir a qualidade do ensino oferecido nas escolas públicas.
A cidade obteve 5,7 na avaliação dos anos iniciais do ensino fundamental (1ª a 4ª série). A nota de Curitiba ficou acima da média nacional de 4,6 e vem crescendo a cada avaliação. Em 2007, Curitiba teve índice de 5,1, e em 2005, de 4,7.
Com informações da Secretaria Municipal de Educação






quarta-feira, 1 de setembro de 2010

Resenha do texto EDUCAÇÃO DIGITAL.

BOM GENTEEEEEEEE ;D
O texto lido aborda as inovações que as universidades precisam...
Além disso, o autor do texto ressalta que não cabe mais um modelo de ensino mão unica, em que o foco é o Professor. Isso faz com que o aluno fique isolado do processo de aprendizagem.
Para isso é importante ter o "abandono" do ensino tradicional e começar a ouvir mesmo os estudante, suas opiniões, suas expressões.
Acredito que as inovações possam fazer muuuito pelo ensino, até mesmo a didatica da aula faz o aluno ter mais vontade de aprender.

Como diz o próprio DOM TAPSCOTT, autor da reportagem :
Sentar-se mudo diante de um professor não funciona mais.

quinta-feira, 19 de agosto de 2010

Que coisa linda, vale a pena conferir :)

video

Recebi esse vídeo por e-mail há muitos anos.
Gostaria de compartilhar com vocês, espero que gostem
besos *--*

domingo, 15 de agosto de 2010

A arte da dança e seus benefícios

Galera meu primeiro post nesse Blog, estou nervosa...
Vamos falar de coisas que gostamos certo? para mim nada melhor do que a dança, que te auxilia na manutenção e perda de peso, revigora sua estima e contribue pra um BEM-ESTAR geral.

Segue uma lista dos seus inúmeros  benefícios:

Aumenta a flexibilidade, tonifica a musculatura, melhora a postura e o controle da respiração.


Uma coreografia agitada permite queimar até 700 calorias em uma hora. Quanto maiores a prática e a habilidade de dançar, maior é o gasto de energia e a tonificação dos músculos.

A prática regular melhora a circulação sanguínea, a capacidade respiratória e a qualidade do sono.

 Trabalha a coordenação motora, a percepção espacial, a concentração, o equilíbrio, a agilidade e a memória.

 Gera sensação de bem-estar, como ocorre com outros exercícios físicos. Os movimentos ativam, no cérebro, a endorfina, espécie de analgésico natural.

Combate o estresse e melhora a autoestima.

 "A dança: uma expressão perpendicular de um desejo horizontal"
George Bernard Shaw
 ;D
Recomendo